segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

As vaquinhas e o aniversário da cidade.



São Paulo é querida e ponto. Acho até que quase não há mais o que cantar em relação a essa cidade e os milhões de habitantes que ela possui e que a cada instante colaboram na sua metamorfose. Nesse aniversário da cidade, não senti desejo de ir aos eventos de comemoração e tampouco a chuva deixaria que eu saisse de casa. ;-(

Uma coisa tão somente foi suficiente para me alegrar nesse aniversário em que se comemora os 456 anos da cidade: ganhamos a segunda edição da Cow Parade. Na primeira ocasião em que as vacas se exibiram por São Paulo, em 2005, eu e todo mundo amamos. \o/\o/\o/

Agora, elas estão de volta. É um rebanho de cerca de 70 vaquinhas.
Há um mapa para encontrá-las pela cidade.
Abençoados esses artistas suíços, Walter Knapp e Pascal (pai e filho), que criaram o conceito e os moldes das esculturas em formato de vacas e que iniciaram essa Parade das vaquinhas pelo mundo. Isso foi em 1998. Soube que, depois de uma década, o evento já é reconhecido como um dos mais importantes do mundo, tendo sido criadas mais de 4 mil vacas em todos os continentes.


Essa é a Cowfeína, de Alê Brazil, a artista que também tem um blog muito simpático o 3 Bonecas Ilustrações.

Há muita gente que quando vê uma vaca, pensa logo em churrasco. Um horror! Eu, toda vez que vejo uma vaca no campo, fico admirado com a sua paciência e resignação diante da vida. Há qualquer coisa no olhar da vaca que diz que viver deveria ser, para cada um, um eterno ruminar acerca da existência, ou ao menos o seu tanto. Só por isso os indianos já teriam razão de considerá-la um animal sagrado.

E creio mesmo que essas vacas encantam sobremaneira, espalhadas por uma cidade como São Paulo - na qual ninguém parece ter tempo e paciência - pois são também elas manifestos desses artistas e que, por sua vez, conclamam a essa nossa ruminação.

2 comentários:

  1. Alessandra Heguedusch Faour Auad27 de janeiro de 2010 17:04

    Josafá,

    Você viu onde deixaram uma das belas vaquinhas?Nada melhor que na Estação Sé, local onde parece que o "mundo" passa. Só esperemos que as pessoas tenham tempo e paciência para apreciar o belo trabalho...Eu tive!!!Bjs.

    ResponderExcluir
  2. Alessandra querida!

    Vi sim. Foi a primeira vaquinha que eu vi quando sai do trabalho, logo quando começou a CowParade.
    Ela tem um presépio dentro. Muito linda.
    Acho que as pessoas vão se sensibilizar com todas elas, tenho certeza.

    ResponderExcluir